.

A quem interessar possa

sábado, julho 31, 2004

Sabadao

Hoje eh sabado e esta chovendo, nada pra fazer, entao vou contar um pouco da semana.
To procurando apartamentos, e realmente nao eh muito facil. Anteontem fui ver um quarto em Jean Talon, com preco bom, perto do metro... parecia perfeito pra mim. Quando cheguei la, fui recebido por um traveco! Ele disse que ia se mudar, mas fiquei com medo, nao sei se todos que moram la sao travestis tb, acho que nao eh o melhor lugar pra mim.
Hoje vi um perto de Little Italy, muito arrumado, parece perfeito e sem traveco. A proprietaria eh uma velhinha que ta alugando dois quartos. Falta internet, mas isso eu posso usar na faculdade ou contratar por fora. O unico problema eh que a area nao me parece muito boa, meio pobre, mas eh perto do metro pelo menos (tipo uma tijuca...).
Ontem saih com um alemao da residencia pra conhecer uns brasileiros amigos dele, pessoal do maranhao, numa discoteca chamada Thursday's. Foi bem caido e tava chovendo. Vou ver se encontro algo melhor pra fazer hoje.
Estou comecando a aprender a nunca confiar no meu maravilhoso senso de direcao, pq toda vez que eu saio sosinho eu acabo me perdendo. Eu sempre levo mapa, mas as vezes fico com vergonha de abrir o mapa no meio da rua e eh ai que os problemas acontecem, mas felizmente essa cidade eh bem segura e eu tenho o cartao hebdomadario de transporte, entao eh soh encontrar uma estacao de metro que o problema se resolve.
Samanta e Hupsel, tem um apartamento mobiliado 3 1/2 aqui perto (saint Laurent e Saint Joseph) por 670$. Acho que eh melhor vcs 2 ficarem nele ja que vao ficar o mesmo tempo. Pra mim vai ser muito complicado me mudar ou encontrar outros 2 colocatarios no meio do inverno. ME MANDEM NOTICIAS!

quarta-feira, julho 28, 2004

Rotina

A aula de francês nao está me deixando muito mais feliz do que eu estava antes dela comecar, toma muito tempo do meu valioso dia, já comeco a imaginar como vai ser quando comecarem as aulas na Poly.
Hoje vou dar uma olhada em dois apartamentos, mas nao encontro nenhum que comporte 3 pessoas, acho melhor Samantha de Hupsel falarem com o Patrice (patrice@lamimo.com) enquanto há tempo, pq a residencia é muito confortável, e pode encher.
Como tenho pouco tempo mesmo, vou falar uma bobagenzinha e só. Tem alguns shows bem interessantes acontecendo aqui, incluindo um negócio meio esquisito: `Yes & DreamTheater´, no mesmo palco... vamos ver se o preco vai ser proibitivo ou nao, e neste caso, se eu consigo juntar uma turma pra ir.
Curiosidade: Aqui tem uma cerveja chamada "A Marca Bavaria" que se diz brasileira (supostamente existe desde 1877) e é engarrafada pela Kaiser, além de ser muito melhor que a nossa bavária... se liga Ambev.

segunda-feira, julho 26, 2004

Levantando do pudim

Chega de moleza! Hoje foi o dia de ir conhecer o lugar onde eu devo passar a maior parte do meu tempo: l´École Polytéchnique de Montréal
Peguei o onibus 51 na Saint Laurent e em pouco tempo estava na Édouard Moonpetit, onde fica o campus da Université de Montréal. O campus nao é do tamanho da PUC, tá mais pro tamanho da Gávea (acho que to exagerando um pouquinho sim, mas que é enorme é) e a sofisticacao do lugar tb impressiona.
Primeiro fui à DAR deles pra fazer meu dossier, só que eu esqueci de levar o meu documento do seguro, vou ter que voltar amanha (na~o, ma~e, na~o dá pra usar o ~ nesse computador). Fiz o teste de nivelamento pro curso de compreencao oral e fiquei no nivel 5 de 6.
Depois fui matar a fome e a curiosidade no tao aguardado ´Le Bandejon, que oficialmente se chama`La Caf´. Paguei 5 can, tendo direito a em entre dois pratos principais (como na PUC), duas guarnicoes (milho e pure de batata) e uma sobremesa (eh, nao tem suquinho de graca nao...). Escolhi um sanduiche de carne (muito bom, carne muito macia), e como sobremesa o que me parecia ser um suco. Aqui, todos os restaurantes nos dao água à vontade, e na Caf nao é diferente.  Quando fui tomar um suco, senti um gosto meio diferente, salgado... ´Que suco é esse?`, me perguntei, e li na caixa `Cocktail Végetal`...tudo bem, um pouco de vitaminas e coisas saudáveis pra variar.
Dei uma olhada na livraria e na loja de computadores daqui, onde se vende computadores de ultimíssima geracao pelo preco módico de 2000 can, quando deveriam custar 5000 em outros lugares. Muito caro pra mim, e mesmo assim, o desconto pra estudantes só estará disponível em setembro.
Agora estou no MDC (Montréal Data Centrum, pro pessoal da PUC, hehe), totalmente vazio.
Notei váaaarias plaquinhas dizendo À LOUER aqui em Côte des Neiges, ou seja, me parece que será possível encontrar apartamento pra alugar aqui, vamos ver se tem algum mobiliado. Aliás, dona Samantha, Sr Hupsel e  Mr Milhouse, vcs andam lendo este maravilhoso compêndio de detalhadas e valiosas informacoes? Comentem! E peco pros meus amigos puxa-frangos (especialmente Bob e Andre) manerarem na linguagem, pq isso aqui eh um blog de família!

Mudando de assunto...eu tava evitando tocar nesse assunto faz muito tempo, mas nao dah mais pra segurar. Aqui, vc ve um Audi A3 passando na rua e pensa ´que carrinho mais mixuruca`. Nunca vi tanto carro absurdamente caro junto! De onde esse pessoal tira dinheiro pra isso? tem algo de muito errado nesse mundo.

Mts abracos pra todos.

domingo, julho 25, 2004

A Change of Seasons

Opa! Mudei de casa de novo, estou agora na Saint Laurent. Aqui tem mais variedade, gente de varios paises, nao so mexicanos apesar deles serem muitos. A sala comum é maior e todo mundo conversa e se entrosa. O Quarto é muito bom, o chato é que o patrice disse que vai fechar no final do ano, entao procurar é preciso. Amanha vou à poly pra comecar as aulas de frances.
Ontem eu saii com os mexicanos da maison internationale da Hutchinson (mcgill). Hoje fui ao parque do Mont Royal com dois caras daqui da Saint Laurent, um alemao e outro Australiano. Espero que a partir de segunda eu comece a conviver com os Québecois de verdade, pq até agora eu falei muito mais espanhol e ingles que frances, e quando eu falo frances com alguem daqui, eh bem difícil de entender.
Esse computador que eu to usando eh emprestado, entao nao vou ficar muito tempo aqui.
Abracos galera!
Um beijo pra minha mae pro meu pai, minha irma, meu cunhado e pra xuxa.

sábado, julho 24, 2004

Segundo dia

Hoje fiquei um bom tempo olhando precos de cameras e laptops, e tentando entender a cidade, ou seja, andando por ai' e olhando as coisas. Bateu uma certa falta dos amigos, ficar andando sosinho eh meio chato.
Tem varios apartamentos livres aqui por perto, mas como hoje ja eh sabado nao tem ninguem pra mostrar. O centro da cidade eh bem tranquilo, nem da pra acreditar que eh o centro.

sexta-feira, julho 23, 2004

FUI! / Cheguei!

Pronto, depois de dias sem postar, cheguei a montreal e conto tudo! Sem acentos pq to usando um ciber cafe e o teclado eh meio esquisito.
Fiquei mais de 24 horas viajando (contando o tempo de mofo nos aeroportos). Tomei o cafe da manhan mais gorduroso da historia (em atlanta) tive meus momentos de caracol carregando minha casa nas costas pela cidade de montreal.
Chegando no aeroporto de trudeau (internacional de montreal) peguei um onibus de 12 can ateh a estacao de berri uqam, de onde saltei e peguei um onibus para laurier. o Onibus nao eh como no rio onde se paga na roleta, vc tem que ter a quantidade exata ou um bilhete. Como eu so tinha nota grande, uma velhinha pagou pra mim, outra senhora trocou minha nota de 5 dolares e depois, quando fui pagar a velhinha de volta ela naum aceitou... eu insisti e ela disse que naum. Uma outra senhora em frente entaum olhou pra mim e disse: "Bienvenu au Quebec".
Saltando do onibus 51 eu fui andando pra maison Internationale de montreal. Tava cancado e sujo. Ai chega o Patrice, que me reservou o quarto, e diz que a casa ficou lotada porque teve gente que estendeu a reserva, entao ele me levou pra sede perto da McGill. Por um lado eh bom, pq eu fico conhecendo os dois e ja sei qual eh o melhor, mas o clima dos dois eh de republica mesmo. Fiquei num quarto espacoso e compartilho o banheiro com mais uma pessoa.
Montreal eh linda! Inacreditavel, ateh o complexo da mareh daqui eh de casas bem feitas e sem pixacao! Fantastica tambem eh a mistura do povo, vc ve gente de etnias taum diferentes que parece que estah em saum paulo, mas sem os paulistas . Quando eu acabei essa ultima frase, o computador deslogou pq a fdp da koreana dona dessa loja naum me avisou que era pre pago e naum conta. O tempo voa e tempo eh dinheiro. Por hoje eh soh.

sábado, julho 10, 2004

De volta à batcaverna

Ontem passou um filme muito bom no Telecine Happy (primeira vez que eu vi isso acontecendo). De Volta à Batcaverna (2002)mostra Adam West e Burt Ward já coroas interpretando... Adam West e Burt Ward!!!
Com um enredo muito fraco satirizando o antigo seriado que vcs sabem muito qual é (vocês quem??), o grande atrativo do filme é mostrar um pouco do que acontecia por trás das câmeras naquela época através das memórias dos protagonistas, agora em pé de igualdade. É aí que a gente percebe como Batman e Robin era um seriado polêmico e cheio de "más influências" para a sociedade conservadora da época. Burt (ou ator que faz o papel de burt nos flashbacks da juventude) rouba a cena mostrando como era difícil pra ele ser o coadjuvante, passar da pobreza pro estrelato e depois de 3 anos pro desemprego com todas as opções esgotadas. Ele entrou pro programa sem experiência nenhuma, só porque tinha altura (ou baixura) e cara de garoto além de entender de truques de circo e ser faixa preta em TaeKwonDo, enquanto West estava começando a decolar em sua carreira nos filmes Western e chegou a ser cogitado para James Bond.
Muito legal mesmo para um filme feito para a televisão.

terça-feira, julho 06, 2004

Sem Comentários

É, tem gente reclamando do esquema de comentários do blogspot (pra falar a verdade só a camila...). Façam o seguinte, quando clicar em comments, escolham a opção "post annonimously", e assina no final do comentário... essa é a única maneira de colocar comentários sem ser registrado no blogspot, é meio chato mas não tem muitas opções. Se alguém souber como mudar isso, me avisa.

Faltam 16 dias

É... to ficando nervoso. Já comecei a olhar as restrições de bagagem da Delta. Como eu faço pra levar meu violão? A conta no HSBC tá encaminhada, agora to vendo o seguro da viagem.
Vi Dogville ontem em DVD com a minha mãe e não gostei.